Você nunca imaginaria que estes são 7 sintomas de depressão.

- 10:04:00

Você nunca imaginaria que estes são 7 sintomas de depressão.

A depressão é um estado complexo que se manifesta de uma maneira diferente em cada pessoa. Embora existam alguns padrões básicos, também há alguns sintomas de depressão que geralmente passam despercebidos. É importante conhecê-los e saber reconhecê-los.

A mente de cada ser humano tem uma complexidade enorme. Por isso, qualquer modelo sobre o tema não é suficiente. Assim, quando se fala, por exemplo, dos sintomas de depressão, eles nem sempre se encaixam em uma lista típica. Há atitudes, estados e comportamentos que aparentemente não têm nada a ver com esse problema, mas que no fundo estão relacionados.


A depressão tem diferentes formas de se manifestar, intensidades distintas e dinâmicas diversas. Nem toda pessoa que deixa cair uma lágrima está com depressão, nem toda pessoa que sorri com frequência está feliz. Por isso, este nem sempre é um estado evidente.

“A depressão é uma prisão na qual você é tanto o prisioneiro quanto o cruel carcereiro”.
-Dorthy Rowe-



Há alguns sintomas de depressão que costumam passar despercebidos. Isso não significa que quem os sente necessariamente esteja deprimido. Simplesmente, são indícios que sugerem a existência desse problema, mas que devem ser avaliados em conjunto e dentro do contexto. Vamos ver sete deles.

1. Incômodos físicos não relacionados com uma doença

Têm a ver com dores musculares que aparecem de repente sem um motivo específico: enxaquecas, indigestões frequentes, tonturas súbitas e sensações de mal-estar desse tipo. Você vai ao médico e não encontra nada anormal no seu corpo, mas os incômodos não param de aparecer.


Também é possível que não apareça nenhum desconforto físico, mas você pode ter a sensação de que alguma coisa está errada com a sua saúde. Aparece uma afta na boca e passa pela sua mente que pode ser leucemia. Ou seu coração bate muito forte e algo te diz que pode ser o começo de um problema cardíaco.

2. Cancelar e postergar encontros com os demais

De repente, você olha para trás e percebe que há algum tempo você vem adiando todo tipo de atividades sociais. Talvez você sinta que está ocupado demais ou simplesmente que não tem vontade de sair.



A verdade é que seus encontros com os outros diminuem sem que você tenha se proposto explicitamente a isso. Na verdade, você não sente que está se isolando dos demais, mas que está muito cansado para sair ou, simplesmente, que há outras coisas que chamam a sua atenção.

3. Movimentar-se devagar

Este é um desses sintomas de depressão que costuma passar despercebido. O cérebro de uma pessoa deprimida funciona de maneira diferente do cérebro de uma pessoa que está serena ou feliz. Isso acaba incidindo sobre a motricidade e faz com que os movimentos se tornem mais lentos.


Às vezes, é como se a pessoa estivesse se movendo em câmera lenta. Ela também demora um pouco mais para reagir aos estímulos externos. Quando conversa, é como se estivesse meditando sobre o que a outra pessoa falou antes de responder.

4. Surtos de dermatite atópica

A ciência ainda não estabeleceu claramente qual é a relação entre a dermatite atópica e a depressão. No entanto, um estudo realizado na Universidade de Wisconsin (Estados Unidos) determinou que este problema costuma aparecer em pessoas deprimidas.

A dermatite atópica se caracteriza pelo aparecimento de eczemas na pele que causam coceira e dor. Ainda não se sabe com exatidão o que causa esse problema. Apesar disso, costuma estar associado com o humor das pessoas.

5. Assistir muita televisão, um dos sintomas de depressão



Assistir muita televisão, passar muito tempo em frente ao computador ou, ainda, com os olhos colados no celular podem ser sintomas de depressão. Em suma, a pessoa acaba desenvolvendo uma relação constante e mais ou menos obsessiva com uma tela. Isso também é uma maneira de se isolar.


As pessoas que assistem muita televisão com frequência desejam “não pensar”. Elas pretendem se distrair ou se afastar da realidade. Quando uma pessoa passa muito tempo em frente a uma tela, ela pode se tornar alguém muito egocêntrico, alguém que não se conecta com o seu entorno.

6. Não sentir desejo sexual
Quando há falta de desejo sexual e isso se prolonga por um bom tempo, é possível pensar que uma depressão está se desenvolvendo. Esse dado deve ser analisado com cuidado. Uma coisa não implica automaticamente a outra.

O fator a se levar em consideração é o nível normal, ou habitual, do desejo sexual. Se estiver abaixo desse padrão e se mantiver assim, está acontecendo alguma coisa. Para as pessoas deprimidas, costuma ser muito difícil adotar atitudes e comportamentos eróticos.

7. Cometer erros com frequência



Quando há depressão, a mente trabalha mais lentamente. Também é muito comum que haja dificuldade para se concentrar ou para ordenar ideias e planejar atividades. Por isso, as pessoas deprimidas cometem muitos pequenos erros no dia a dia.


Esses erros estão relacionados com esquecimentos, confusões em relação a assuntos simples, que incluem distrações e dificuldade para aprender, entre outros. É como se a pessoa não conseguisse estar totalmente presente no aqui e agora.

Todos esses sintomas de depressão não costumam ser muito perceptíveis para quem os apresenta, nem para as pessoas que fazem parte de seu dia a dia. Mas se aparecerem, especialmente em muita quantidade e simultaneamente, talvez seja o momento de fazer uma pausa e observar o que está acontecendo.


Compartilhe com seus amigos !!!